Skip to main content

Blog

Novidades e dicas sobre o segmento gráfico para a transformação digital de sua empresa

O que podemos esperar das embalagens do futuro?

O que podemos esperar das embalagens do futuro?

A indústria de embalagens é um segmento em constante transformação. As preferências dos consumidores são um ponto-chave, orientando as tendências de design, materiais e funcionalidades das embalagens.

Segundo especialistas, as embalagens do futuro estarão diretamente ligadas às preferências dos consumidores, onde a busca por embalagens mais sustentáveis, informativas e funcionais irá moldar a forma como as empresas desenvolvem e projetam seus produtos. Para os consumidores, o papel das embalagens vai além de simplesmente conter produtos; elas são peças-chave na conexão deles com as marcas.

Tendência por preferências de consumo

As preferências dos consumidores são um guia para as tendências atuais e futuras na indústria de embalagens. Os consumidores já estão olhando menos para as promoções e mais para o que as marcas estão entregando de valor para eles. 

Isso tem mudado a forma com que os produtos são desenvolvidos, fazendo com que as marcas invistam mais em pesquisa para acertar o que os clientes definem como preferências criando, assim, uma linha de tendências direcionada para hábitos de consumo e não mais para preços mais baixos.

As pessoas estão buscando mais por elementos de diferenciação das marcas, que transmitam valores, história e identidade. Além disso, embalagens que melhoram a usabilidade dos produtos, oferecem mais conveniência aos consumidores.

O que o consumidor valoriza?

Pesquisas recentes indicam uma mudança significativa nas preferências dos consumidores em relação às embalagens. 

Cerca de 73% dos consumidores afirmam que estão dispostos a pagar mais por produtos que vêm em embalagens sustentáveis e amigas do meio-ambiente.

Já quando o assunto é informação, mais de 80% dos consumidores buscam por produtos que trazem informações claras e detalhadas sobre sua origem, instruções de uso e maneiras de descarte.

Em relação à conveniência, embalagens que oferecem praticidade, como porções individuais, embalagens que se adaptam ao estilo de vida e facilitam o armazenamento e transporte dos produtos, entram na lista de preferência para as embalagens do futuro.

As embalagens das novas e futuras gerações

As mudanças nas preferências das novas gerações estão moldando o futuro das embalagens de forma significativa, impulsionando uma abordagem mais sustentável e consciente. Aqui estão alguns aspectos importantes sobre as embalagens das novas e futuras gerações:

Consciência ambiental e preferências

As novas gerações, em particular os Millennials e a Geração Z, demonstram uma consciência ambiental mais aguçada. Eles estão preocupados com questões como a crise climática, a poluição plástica e a necessidade de conservar os recursos naturais. Isso reflete diretamente nas preferências por embalagens que são menos impactantes para o meio ambiente.

Busca por sustentabilidade

A demanda por embalagens minimalistas, biodegradáveis, compostáveis e recicláveis está em ascensão. Esses materiais são vistos como alternativas mais ecológicas aos plásticos tradicionais e contribuem para a redução do desperdício e da poluição. Materiais como papelão, bioplásticos, vidro e materiais compostáveis à base de plantas estão ganhando destaque.

Foco na reutilização

Além da preferência por materiais sustentáveis, há um interesse crescente por embalagens reutilizáveis. Essas embalagens incentivam um ciclo de vida mais longo, promovendo a redução de resíduos e alinhando-se com um estilo de vida mais sustentável. Produtos que vêm em embalagens reutilizáveis ou que promovem a reutilização são vistos de forma muito positiva pelas novas gerações.

Impacto nas decisões de compra

Para as novas gerações, as escolhas de compra estão intimamente ligadas às preocupações ambientais. Elas preferem apoiar marcas que demonstrem um compromisso genuíno com práticas sustentáveis, incluindo embalagens amigas do ambiente. A sustentabilidade das embalagens tornou-se um fator-chave na decisão de compra.

Tipos de embalagens do futuro que já são tendência

Questões ambientais entram novamente neste tópico. É bom reforçarmos que as tendências que estamos apresentando são apontadas por especialistas que desenvolvem produtos e embalagens com base em pesquisas de preferência. Portanto, podemos verificar que quanto mais voltadas para a conscientização ambiental, mais bem aceitas serão as marcas, suas embalagens e, consequentemente, seus produtos.

Vamos analisar 3 fortes tendências apresentadas para as embalagens do futuro:

1 – Tecnologia Integrada

QR Code: Permitem acesso rápido a informações detalhadas sobre produtos, incluindo origem, instruções de uso, informações nutricionais e sustentabilidade.

Realidade aumentada (AR): Integração de AR nas embalagens permite aos consumidores interagir com os produtos de forma virtual, visualizando informações adicionais, tutoriais de uso ou até mesmo entretenimento relacionado ao produto.

Embalagens inteligentes: Incorporam sensores ou tecnologias inteligentes que fornecem informações em tempo real sobre a frescura do produto, condições de armazenamento e até mesmo interagem com dispositivos conectados para melhorar a experiência do consumidor.

2 – Materiais Inovadores

Bioplásticos: Estes são produzidos a partir de fontes renováveis, como milho, cana-de-açúcar ou amido de batata. São biodegradáveis ou compostáveis, reduzindo o impacto ambiental comparado aos plásticos convencionais.

Materiais compostáveis e fibras naturais: Estes são feitos de materiais orgânicos que se decompõem naturalmente, como celulose, bagaço de cana ou cápsulas de café compostáveis. São alternativas sustentáveis e amigas do ambiente.

Embalagens de resíduos agrícolas: Utilizam subprodutos agrícolas, como cascas de frutas ou restos de plantações, para criar embalagens biodegradáveis, reduzindo o desperdício e aproveitando materiais já existentes.

3 – Design funcional

Porções individuais e designs modulares: Embalagens adaptadas para porções individuais oferecem conveniência e reduzem o desperdício. Designs modulares permitem que as embalagens sejam reutilizadas para diferentes fins, prolongando seu ciclo de vida e reduzindo a quantidade de resíduos gerados.

Controle rigoroso na produção das embalagens do futuro

Há uma crescente ênfase na garantia de qualidade e segurança das embalagens do futuro. Normas mais rígidas estão sendo implementadas para assegurar a integridade dos produtos, minimizar riscos de contaminação e garantir a conformidade com regulamentações ambientais.

Normas de qualidade

As empresas estão adotando padrões mais rigorosos para garantir a qualidade das embalagens, incluindo testes de resistência, durabilidade, segurança alimentar e compatibilidade com o produto embalado.

Controle de contaminação

Procedimentos de controle de qualidade são aplicados para evitar a contaminação dos produtos, seja por materiais inadequados na embalagem ou por condições inadequadas de armazenamento.

Tecnologias de identificação, logística e proteção ao consumidor

Recursos como o uso de códigos de barras, QR Codes, RFID e outras tecnologias para rastrear e identificar embalagens individualmente, farão parte do processo de desenvolvimento de embalagens, permitindo um controle mais preciso e eficiente.

Além disso, o monitoramento em tempo real, através da implantação de sistemas que possibilitam a verificação contínua das condições de produção, armazenamento e transporte das embalagens, permitirão ações corretivas imediatas quando necessário.

Todos estes controles rigorosos servem (e servirão) para garantir a segurança dos produtos, protegendo os consumidores de possíveis danos ou riscos à saúde. Empresas que investem em controle rigoroso na produção de embalagens para seus produtos, reforçam sua reputação e credibilidade, demonstrando compromisso com a qualidade, segurança e responsabilidade.

ESG além do meio ambiente

Seguindo a linha das preferências dos consumidores que irão ter impacto direto com embalagens e produtos, as questões que abrangem as práticas ESG precisam além da preocupação exclusiva com o meio ambiente, devendo se estender para questões sociais e de governança.

Empresas que adotam essa abordagem abrangente se comprometem com práticas éticas, inclusivas e sustentáveis, promovendo impactos positivos não apenas para o ambiente, mas também para as comunidades, funcionários, acionistas e clientes, fortalecendo sua posição no mercado e contribuindo para um mundo mais justo e sustentável.

Mas o que isso tem a ver com as embalagens?

Atualmente, as questões voltadas para práticas ESG refletem no compromisso das marcas com questões que envolvem a comunidade e as pessoas como um todo. As novas gerações já estão tendo contato com o termo e, certamente, levarão em consideração empresas mais alinhadas com os princípios abordados pela sigla. Portanto, produtos desenvolvidos respeitando estas iniciativas tendem a serem vistos como corretos, sendo fabricado por empresas que realmente se importam com o meio ambiente, a sociedade e políticas inclusivas.

Pesquisa e desenvolvimento na gestão de marcas

Os gestores de marca buscam por formas de transformar a maneira como as empresas abordam o design e a funcionalidade para desenvolverem as embalagens do futuro.

Com base em pesquisas aprofundadas e investimentos significativos nessa área, procuram não apenas elevar a qualidade das embalagens, mas também fortalecer a conexão emocional entre a marca e os consumidores, resultando em uma estratégia de embalagem que vai além da simples proteção de produtos, elevando a experiência do cliente e consolidando a presença e reputação da marca no mercado.

A compreensão das preferências dos consumidores é essencial. As embalagens precisam não só atender às demandas por sustentabilidade, informação e conveniência, mas também se destacar e criar uma experiência memorável para o cliente.

Pensando no que está sendo apontado nas pesquisas e o que vem por vir, as embalagens do futuro se tornarão uma extensão visual da marca, comunicando sua história, valores e personalidade. Portanto, a inovação nesse contexto busca não apenas funcionalidade, mas também coesão com a identidade da marca.

No futuro, embalagens inovadoras serão um diferencial significativo, utilizado para criar um relacionamento duradouro, elevando a posição da marca.

Afinal, a embalagem é o primeiro contato físico com o produto, influenciando diretamente na experiência do consumidor. Embalagens bem planejadas não apenas protegem, mas também encantam e cativam os consumidores, construindo lealdade à marca.Quer saber como manter uma gestão eficiente de marcas, produtos e embalagens? Conheça o módulo Gestão de Marcas da LinkFlow e comece a planejar hoje suas embalagens do futuro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest